Conheça os 4 pilares para ter resultado no Google Ads

Você não tem resultados no Google Ads? Suas campanhas não convertem como o esperado? Saiba que você não está sozinho nessa. Talvez você ainda não conheça os 4 pilares do Google Ads.

O Google Ads vem se tornando mais popular e conhecido ao longo dos últimos anos e talvez esteja passando a impressão de que é só colocar uma campanha no ar e pronto, a mágica acontece.

Mas não é bem assim, o Google Ads é sim uma ferramenta poderosa que pode te trazer muito resultado, mas o trabalho precisa ser bem feito.

Para te explicar de uma forma simples, existem 4 pilares fundamentais para ter resultado de verdade no Google Ads e vou te explicar cada um deles, nesse post.

1 – Página de destino (Landing Page)

Existem muitas definições técnicas para definir o que é um site, mas para simplificar, imagine seu site como a representação digital do seu estabelecimento físico. 

Partindo desse princípio, podemos pensar que, você não gostaria de receber um cliente na sua empresa toda desorganizada, suja e cheirando mal, né?

Considerando que o site é uma representação digital da sua empresa, você também não pode receber um cliente no seu site se ele estiver feio, lento e mal organizado.

Se você produzir seu site com esse conceito em mente, você já vai evitar metade dos problemas mais comuns nos sites da internet.

Porém, além de ter um site bonito, por exemplo, você precisa ter um site que venda ou converta de verdade, ou melhor, uma landing page de alta conversão.

Além de fazer a função de converter, o site é muito importante para te dar relevância no Google Ads. Sua página influencia até na sua posição das pesquisas.

Segue então algumas dicas para você ter uma boa pontuação no site e assim conseguir mais relevância no Google:

  • Tenha um site leve e rápido, seu site precisa e deve ter um bom carregamento, para isso, escolha imagens leves e uma boa hospedagem.
  • Adicione suas palavras-chave no texto do seu site, suas palavras-chave precisam estar presentes ao longo do texto da sua página.
  • Menos é mais, seu site precisa ser objetivo, não adicione textos irrelevantes ou imagens sem necessidade, foque no básico e faça bem feito.

2 – Oferta

Aqui vai uma verdade dura, não adianta ter a melhor landing page do mundo se a sua oferta não for boa.

Sim, o mercado está cada vez mais competitivo, cada ideia que você tiver, outras 10 pessoas já tiveram antes de você.

Por esse motivo, se a sua oferta não se diferenciar, você vai ficar para trás, cole isso na sua mente: “o que eu tenho de diferente dos meus concorrentes?”

Se você tiver dificuldades para responder isso, então você precisa trabalhar melhor sua oferta, ou seja, ela precisa ser IRRESISTÍVEL.

Ofereça um desconto, um brinde, um cupom, um frete grátis, uma condição especial, algo que diferencia sua oferta das outras.

3 – Segmentação

É aquilo… para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve. Você precisa ter em mente exatamente quem é seu público-alvo, caso contrário, qualquer público estará bom para você.

E muito além de saber quem é, você precisa saber atingir seu público-alvo. Caso você tenha dificuldade, temos um vídeo completo falando sobre isso, acesse aqui.

Boas práticas de segmentação no Google Ads

  • Escolha com cuidado suas palavras-chave.
  • Apenas utilize correspondência ampla se sua campanha já tem um histórico de conversão grande.
  • Utilize públicos-alvo de observação em campanhas de pesquisa.
  • Explore e utilize públicos de intenção personalizada, você pode criar com base em palavras-chave, sites de concorrentes, canais no YouTube e muito mais.
  • Aumente lance para públicos com melhores resultados.
  • Exclua públicos com baixo desempenho.
  • Utilize um tipo de público em cada grupo de anúncios na rede de display ou YouTube, ou seja, um grupo para público de mercado, outro grupo para afinidade, outro para canais, um para tópicos, e assim por diante.
  • OTIMIZE SEUS TERMOS DE PESQUISA COM FREQUÊNCIA.

4 – Anúncio 

O anúncio é um dos pilares mais importantes que citei aqui, não adianta conhecer seu público-alvo e não saber se comunicar com ele.

O seu anúncio precisa unir dois mundos, o texto descritivo e o persuasivo, dessa forma, você precisa informar o lead sobre qual é seu produto ou serviço, e, ao mesmo tempo, persuadir esse lead a entrar em contato, ou converter compra.

Boas práticas de anúncios no Google Ads

  • Insira suas palavras-chave nos títulos e nas descrições dos seus anúncios.
  • Use URL de visualização personalizada.
  • Coloque CTA’s nos finais das descrições.
  • Utilize CTA’s nos segundos títulos.
  • Utilize gatilhos mentais tanto nos títulos, quanto nas descrições.

Seguindo esses 4 pilares, é praticamente impossível que você não tenha resultados no Google Ads, e se você gostou desse conteúdo, compartilha com um amigo empresário que precisa de ajuda com os anúncios.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Comentários

Preencha os dados abaixo para
fala com um consultor